Produtos

Nossos Produtos
PRESSURIZAÇAO_9
PRESSURIZAÇAO_9

PRESSURIZAÇAO_4
PRESSURIZAÇAO_4

PRESSURIZAÇAO_11
PRESSURIZAÇAO_11

PRESSURIZAÇAO_9
PRESSURIZAÇAO_9

1/4

Fluxostato: É um sensor que ativa o funcionamento da bomba toda vez que houver fluxo de água, ou seja, quando é aberto um ponto de consumo ocorre a passagem de água pelo fluxostato, neste momento ele emite um sinal para a bomba ligar, quando ocorre o fechamento do ponto o fluxostato corta a alimentação fazendo a bomba desligar.

 

Pressostato: O controle é realizado através da pressão, ou seja, a rede de água é mantida com determinada pressão, havendo ou não consumo, entretanto, toda vez que houver queda da pressão, o sistema é acionado até atingir a pressão definida, isso normalmente ocorre somente quando o consumo de água é interrompido. Existem alguns sistemas no mercado que desligam a bomba somente quando não há fluxo independentemente da pressão. Estes sistemas são conhecidos como duplo comando, o equipamento liga por pressão e desliga por fluxo. Em todo sistema controlado por pressostato é necessário que haja uma válvula de retenção que normalmente acompanha os equipamentos.

 

Inversor de ​Frequência: Controla de forma inteligente a pressão da água, mantendo-a sempre constante, independentemente da vazão de consumo, assim como o Pressostato, os sistemas controlados por inversor de frequência mantem a rede com pressão, entretanto, a bomba trabalha com a rotação variável de acordo com a vazão necessária.Sistemas convencionais controlam apenas o liga e desliga dos motores, ou seja, a bomba trabalha sempre na rotação máxima, já nos sistemas com inversor de frequência, caso a demanda seja pequena, a bomba estará trabalhando numa rotação menor economizando muito mais energia.

 

As vantagens dos sistemas com inversor de frequência são incontestáveis, as bombas além de economizar muito mais energia, permitem a seus usuários muito mais conforto, haja vista que não há variação de pressão, sem contar com a vida útil e as proteções elétricas que o sistema oferece, normalmente não inclusas nos sistemas convencionais.A instalação dos equipamentos de pressurização deve ocorrer em locais protegidos contra intemperes e em caso de lajes de cobertura deve prever uma caixa de contenção com dreno e a impermeabilização do local.Apenas os modelos comandados por pressostato e inversor de frequência poderão realizar a pressurização de baixo para cima.

 

Consultar sempre o fabricante para casos onde a sucção é negativa.